Meio&Mensagem
Publicidade

Rio2C gera impacto de R$ 200 milhões na economia do Rio

Evento, que reuniu as indústrias do audiovisual, música e inovação, também deve movimentar R$ 200 milhões em negócios; mais de mil empresas participaram da conferência

Teresa Levin
7 de abril de 2018 - 9h09

Neste sábado, 7, Rio2C abre as portas para o público final (Crédito: Divulgação)

Os mais de 112 mil metros quadrados da Cidade das Artes foram ocupados pela primeira vez inteiramente com um evento, desde que o equipamento cultural da cidade do Rio de Janeiro foi inaugurado em 2013. Quem realizou o feito foi a Rio Creative Conference, a Rio2C, conferência que começou na terça-feira, 3, com o Summit Rio2C by Meio & Mensagem, com foco na relação entre marcas e conteúdo. Unindo o RioContentMarket (RCM), encontro consagrado do audiovisual latino-americano, com as áreas de inovação e música, ele até este sábado, 7, recebeu 450 palestrantes, em 250 painéis e apresentações de mais de 1000 empresas. Os números superlativos não param por ai: as estimativas até agora apontam R$ 200 milhões gerados em novos negócios e um impacto de R$ 200 milhões na economia do Rio de Janeiro. Empresas de 32 países participaram do encontro que até sexta-feira, 6, foi exclusivo para profissionais e contou com 2.400 mesas de negociação e 650 projetos apresentados.

A partir deste sábado, 7, a Rio Creative Conference muda sua cara, com a chegada do público final. Apostando em uma ligação efetiva entre as discussões que norteiam os mercados do audiovisual, da música e da inovação, e o público, os organizadores investiram em uma programação com shows, games e experimentação de realidade virtual para atrair novos rostos para a Cidade das Artes. A expectativa dos organizadores é de que no sábado e no domingo, 20 mil pessoas participem da Rio2C.

Inspirado no SXSW, realizado em Austin (EUA), o evento foi idealizado por Rafael Lazarini e contou com curadoria geral de Carla Esmeralda. A produção foi da V3A, que participou da estruturação do projeto e tem um contrato de longo prazo com a organização do evento. “Fui com o Lazarini ao SXSW há um ano, nosso grande benchmark. Fizemos muitas observações que contribuíram para o formato do evento”, explica Victor Vocos Camargo, diretor executivo da V3A. Ele acrescenta que acredita que a Rio2C tem o potencial para ser o maior evento da economia criativa da América Latina e do Hemisfério Sul. “Ele chega como um grande ativo para o Rio de Janeiro, com um impacto muito grande na cidade. O RCM já tinha um impacto de R$ 100 milhões pelos negócios do audiovisual e agora, com a entrada de novas áreas, temos um aumento na escala do evento”, fala. Ao contrário de outros projetos, em que as empresas produtoras tem um contrato por evento, a V3A firmou uma parceria duradoura com a Rio2C. “Onde acima de tudo não buscamos necessariamente a rentabilidade de curto prazo, mas sim a construção de um ativo para a cidade e o mercado criativo”, aponta.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Rio Creative Conference

  • Rio2C

  • RioContentMarket

  • audiovisual

  • economia criativa

  • música

  • Rio2C

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio