Meio&Mensagem
Publicidade

Evolução constante

Com um novo formato, Rio2C será dividido em três campos — Mercado, Conferência e Festival — e terá estreia de áreas como neurociência e inovação

Teresa Levin
17 de abril de 2019 - 21h54

Mais áreas, um outro formato para a programação aberta ao público e o foco ampliado. Estas são algumas das novidades do Rio Creative Conference (Rio2C), evento que será realizado na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, entre os dias 23 e 28 deste mês. Entre os destaques das palestras, keynotes e debates estão nomes como Charlie Brooker e Annabel Jones, criador e produtora da premiada série britânica Black Mirror; o guitarrista, compositor e arranjador Heitor TP, ganhador do Emmy e do Grammy, e autor de diversas trilhas sonoras de sucesso como Minions e Meu Malvado Favorito; e Louis Black, co-fundador do jornal “The Austin Chronicle” e co-idealizador e diretor do SXSW.

“O evento de 2018 superou as expectativas e trouxe o desafio de fazermos um ainda melhor este ano. Ele chega mais forte, mais completo”, observa Rafael Lazarini, criador e CEO do Rio2C. Com um novo formato, o Rio2C será dividido em três campos: Mercado, Conferência e Festival, com os dois primeiros voltados primordialmente para profissionais da indústria criativa. Já o festival mantém o nome Festivália como em 2018, mas agora muda seu foco. Se no ano passado recebeu muitas famílias ao longo do final de semana, nesta edição terá experiências destinadas a estudantes, universitários e jovens recém-formados.

“Esta divisão oferece conteúdos para diferentes públicos e seus interesses, além de conectar todos num mesmo espaço para convivências criativas e de negócios”, conta Carla Esmeralda, responsável pela curadoria do audiovisual e pela direção geral de conteúdo do Rio2C. Uma programação ampliada dedicada ao mercado anunciante é também uma das novidades deste ano. Além do Summit, que inaugura o evento na terça-feira, 23, e é desenvolvido com co-curadoria do Meio & Mensagem, será montada a Casa das Marcas, que funcionará durante o evento.

“O Summit continua, mas decidimos expandir o conteúdo. Teremos ao longo de todos dias de conferência, e também do festival, a Casa das Marcas, abordando paradigmas do mercado publicitário, marketing e marcas”, detalha Lazarini. PJ Pereira, da Pereira O’Dell, e Joanna Monteiro, da FCB, já foram confirmados entre as atrações do novo espaço.

Outra área que estreia no Rio2C é o BrainSpace, com conteúdo voltado à neurociência e sua intersecção com a criatividade. “Criatividade e inovação andam juntas, e o cérebro é onde tudo começa”, aponta Lazarini. Com curadoria do neurocientista Stevens Rehen, o BrainSpace quer proporcionar ao público uma imersão em pesquisas sobre o funcionamento do cérebro humano e como as tecnologias vigentes são capazes de potencializar a percepção e interação entre os indivíduos e entre humanos e máquinas. Entre os confirmados para este espaço estão o designer biomédico e artista Alan Macy, fundador da Biopac Systems, e Sidarta Ribeiro, diretor do Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

A Música continua sendo um pilar do Rio2C e segue com curadoria Zé Ricardo. Além de Heitor TP, está confirmado o produtor e diretor KondZilla entre os destaques da grade musical. Nela, também serão abordados temas que vão do Rock in Rio, ao negócio dos musicais no Brasil, passando por aspectos jurídicos do entretenimento ao vivo no País.

O audiovisual, área que era o centro do RioContentMarket (RCM), evento que deu origem ao Rio2C, continua sendo o coração do evento. Serão 61 painéis ocupando a Grande Sala, a principal da Cidade das Artes, além de uma outra sala exclusiva para o segmento. Entre as atrações, Ted Sarandos, chief content officer (CCO) da Netflix e responsável pelas produções originais da plataforma, fará o Rio2C Opening Keynote. “Na programação, buscamos integrar conteúdo, narrativa e negócio. Não acreditamos que negócio exista sem conteúdo e narrativa. O RCM foi formado deste DNA e continua assim e todas as frentes do evento”, pontua Carla Esmeralda.

Estarão em pauta assuntos como narrativas para diversos tipos de plataforma, criação e desenvolvimento, direção, fotografia, o gênero comédia, VOD, inteligência artificial, big data, blockchain, políticas públicas para o audiovisual, leis de incentivo e comercialização do audiovisual para o mercado internacional. Por conta da observação de uma demanda do público, o audiovisual contará ainda com o Business Hall. Nele, profissionais da área encontrarão lounges para networking. Também serão promovidas neste espaço as Rodadas de Negócios e o Pitching do Audiovisual.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Alan Macy

  • Annabel Jones

  • Charlie Brooker

  • Heitor TP

  • Joanna Monteiro

  • Louis Black

  • PJ Pereira

  • Rafael Lazarini

  • Sidarta Ribeiro

  • Stevens Rehen

  • Ted Sarandos

  • Biopac Systems

  • Black Mirror

  • FCB

  • KondZilla

  • Netflix

  • Pereira O’Dell

  • Rio2C

  • Rio2CnoMM

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio