Meio&Mensagem
Publicidade

O impacto dos efeitos visuais no storytelling

Uno Oliveira, supervisor executivo de efeitos visuais da Globo, destaca os principais ingredientes para recursos que complementem a história sem distorcê-la

Luiz Gustavo Pacete
27 de abril de 2019 - 11h03

Foto Ilha de Ferro – crédito: Globo/João Miguel Junior

Mundos que ganham vida. Poderes que se manifestam. Ambientes que se tornam mágicos. Os efeitos visuais compõem parte importante das histórias. Sejam nos filmes de Hollywood, nas novelas brasileiras ou em algumas produções do cinema nacional.

Criar, aplicar e fazer com que esses efeitos façam parte de um storytelling, no entanto, é uma tarefa desafiadora, como conta Uno Oliveira, supervisor de executivo de efeitos visuais da Globo. Em seu painel ‘Novas Tecnologias no Entretenimento’, neste sábado, 27, Uno contou como funciona a produção de efeitos visuais da Globo.

Ao Meio & Mensagem, Uno dá alguns detalhes de situações em que os efeitos visuais também foram aliados importantes para resolver desafios de gravação. “A união entre a arte e a tecnologia é o que define o trabalho de Efeitos Visuais. Todos os produtos têm uma intensa fase de pós-produção, além de elementos tridimensionais, chroma key, efeitos e cenários virtuais, olhamos a qualidade técnica e artística das produções”, explica.

– Frames de ‘O Tempo não Para’ – crédito: Globo/Divulgação

Inovação criativa
Ter um Iceberg no litoral paulista não é uma tarefa fácil de ser executada de forma prática. Com o uso da computação gráfica conseguimos contar essa história em ‘O Tempo não Para’. Além do Iceberg, desenvolvemos diversos atores virtuais que foram exibidos nas cenas. A novela ‘O Tempo Não Para’ é um exemplo em que o uso da computação de forma criativa viabilizou situações inusitadas que não seriam possíveis se não fossem virtuais.

– Frames de ‘Deus Salve o Rei’ – crédito: Globo/Divulgação

Realismo lúdico
A novela ‘Deus Salve o Rei’ contou com um olhar ímpar na construção de um ambiente lúdico com conceito realista. Através da construção virtual de cenários, castelos, reinos e personagens, contamos uma história na Idade Média com uma pitada de fantasia, que é característica do conceito da novela.

– Frames de ‘Ilha de Ferro’, – crédito: Globo/Divulgação

Pioneirismo viável
Fazer uma série com Efeitos Visuais em 4K é um grande desafio do ponto de vista tecnológico. O projeto da série ‘Ilha de Ferro’, produção original da Globo exclusiva para o Globoplay, não seria possível sem a construção de uma plataforma de petróleo em computação gráfica. Pioneiramente, demos vida a uma ideia de difícil execução, trazendo em 4K todo o realismo característico desse projeto.

Foto de cena de Órfãos da Terra – crédito: Globo/Paulo Belote

Desenvolvimento pictórico
Recentemente desenvolvemos alguns capítulos que contaram a história do ambiente de guerra no Oriente médio. A novela ‘Órfãos da Terra’ teve cenas que seriam na Síria e, devido a questões de segurança, não mandamos nenhuma equipe para a viagem internacional. Conseguimos retratar campos de refugiados, cidades devastadas e explosões sem enviar equipes para esses países. O trabalho de Efeitos Visuais foi o de adequar as gravações feitas aqui para o ambiente de guerra.

 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Audiovisual

  • Efeitos Visuais

  • Globo

  • Novelas

  • Tecnologia

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio